Links de Acesso

Lula da Silva condenado a nove anos e seis meses de prisão


Antigo Presidente do Brasil, Luiz Inacio Lula da Silva - 1 de Junho 2017

Antigo Presidente do Brasil considerado culpado no caso de um apartamento em São Paulo

O antigo Presidente do Brasil, Luiz Inácio da Silva foi condenado nesta quarta-feira, 12,, a nove anos e seis meses de prisão, pelo juiz Sérgio Moro.

Lula foi condenado pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarajá.

O antigo Presidente e militante do PT (Partido do Trabalho) foi condenado pelo juíz Sérgio Moro, juiz federal de primeira instância.

Lula não vai ser preso, pois só deverá começar a cumprir pena se a segunda instância ratificar a decisão, o que lhe dá a oportunidade de recorrer da sentença, em liberdade ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Se a sentença não for ratificada na segunda instância antes de Outubro de 2018, o antigo Presidente não será enquadrado na Lei da Ficha Limpa e poderá ser candidato à presidência do Brasil.

Lula da Silva foi condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, juntamente com mais seis pessoas, no caso da compra e reforma de um apartamento em Guarujá, no litoral de São Paulo

É a primeira vez, desde a Constituição de 1988, que um antigo Presidente brasileiro é condenado criminalmente.

Na decisão, o juiz absolveu o antigo Presidente das acusações de corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo o armazenamento do acervo presidencial numa transportadora, que teria sido pago pela empresa OAS, acusada de envolvimento na operação de corrupção Lava Jato.

A defesa de Lula da Silva já procurou entretanto a ONU, denunciando "lawfare" (manipulação política das leis para perseguir um adversário).

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG