Links de Acesso

Tribunal retoma julgamento da candidatura Dilma-Temer

  • Redacção VOA

Michel Temer e Dilma Rousseff no dia da vitória

Em causa financiamento da campanha com luvas da Petrobras

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retoma nesta terça-feira, 6, o julgamento da acção que pede a cassação da candidatura formada por Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (PMDB) que venceu a disputa pela Presidência da República em 2014.

Na sessão, o TSE vai julgar uma acção na qual o PSDB aponta abuso de poder político e económico na disputa eleitoral.

Com base nas investigações da Operação Lava Jato, o partido acusa a campanha de Dilma e Temer de ter sido abastecida com dinheiro de luvas de empresas contratadas pela Petrobras.

Os advogados da candidatura negam as acusações.

A acção foi apresentada dois meses depois de o candidato tucano a Presidente, Aécio Neves, ter sido derrotado por Dilma e Temer.

O PSDB comanda ministérios a convite de Temer e é o principal partido de sustentação do Governo, ao lado do PMDB.

O julgamento começou a 4 de Abril, mas foi adiado porque os ministros do TSE decidiram reabrir a etapa de recolha de provas, ouvir novas testemunhas e dar prazo adicional para as defesas entregarem as alegações finais.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG