Links de Acesso

Renamo escolhe substituto de Afonso Dhlakama


Afonso Dhlakama

Presidente eleito sairá de um grupo de cinco candidatos.

Cinco candidatos concorrem à sucessão de Afonso Dhlakama na liderança da Renamo, cuja votação decorre nesta quarta-feira, 16, na Gorongosa, província de Sofala.

Trata-se Ossufo Momade, coordenador interino; Manuel Bissopo, secretário-geral; Elias Dhlakama, Brigadeiro na reserva e irmão de Afonso Dhlakama; Hermínio Morais, ex-guerrilheiro; e Juliano Picardo, deputado da Assembleia da República.

O porta-voz da Renamo, José Manteigas, o presidente eleito deverá dirigir o primeiro Conselho Nacional, além da votação do novo secretário-geral da Renamo.

Dimensão nacional

Esta sucessão é muito aguardada no país, por 2019 ser o ano de eleições gerais.

Congresso da Renamo, Gorongosa, Moçambique
Congresso da Renamo, Gorongosa, Moçambique

O polítólogo português Raúl Braga Pires diz que o facto de concorrerem cinco membros é sinal de que o partido procura investir numa dimensão mais nacional e não apenas centrada na sua base tradicional, Sofala, no centro de Moçambique.

Pires opina que Dhlakama e Ossufo são os principais canditados.

Acompanhe:

Renamo escolhe substituto de Afonso Dhlakama
please wait

No media source currently available

0:00 0:03:16 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG