Links de Acesso

Manuel de Araújo irritado com o silêncio no esclarecimento de assassinatos de políticos


Manuel de Araújo, presidente do município de Quelimane, Moçambique

“A nossa constituição proíbe a pena de morte (...) e mesmo onde é permitida, a decisão é feito por juízes, ” diz Araújo.

O presidente do Município de Quelimane, Manuel de Araújo, diz que a desordem pode se instalar em Moçambique se as autoridades continuarem silenciosas no esclarecimento de assassinatos de políticos e defensores dos direitos humanos.

Na lista de políticos assassinados ou agredidos por desconhecidos, nos últimos anos, Araújo diz ter mais de 25 nomes, incluindo o constitucionalista Gilles Cistac, o economista António Siba Siba Macuácua e o seu colega Mahumudo Amurane, assassinado no Dia da Paz, 4 de Outubro, em Nampula, município do qual era presidente.

Tal como Amurane, Araújo ganhou as eleições em Quelimane, Zambézia, militando no Movimento Democrático de Moçambique (MDM).

“A nossa constituição proíbe a pena de morte (...) e mesmo onde é permitida, a decisão é feito por juízes, ” diz Araújo.

As autoridades moçambicanas, apesar de promessas de investigação, pouco divulgam sobre as razões de assassinatos de políticos e defensores de direitos humanos, que os analistas dizem ser levadas a cabo por esquadrões da morte criadas para silenciar vozes críticas.

Araújo diz à VOA que a Frelimo, no poder, não tem interesse noutras vozes.

Este partido, afirma o edil de Quelimane, deveria usar a sua maioria parlamentar para votar o retorno do monopartidarismo, uma vez que rejeita a democracia.

Na sua crítica, Araújo, especialista em relações internacionais e antigo funcionário da Amnistia Internacional, não poupa os doadores e organizações internacionais, que em casos similares, noutros países, teriam feito pressão para o esclarecimento de assassinatos que ocorrem em Moçambique.

E se a situação continuar, Moçambique corre o risco de viver na desordem, adverte Araújo.

Acompanhe:

Manuel de Araújo irritado com o silêncio no esclarecimento de assassinatos de políticos
please wait

No media source currently available

0:00 0:04:45 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG