Links de Acesso

Estados Unidos matam 15 combatentes da milícia Kataib Hezbollah


Pentágono responsabiliza a milicia por ataque contra americanos

As forças armadas americanas mataram 15 membros do grupo Kataib Hezbollah no Iraque e na Síria neste domingo, 29, revelou o Pentágono (Ministério da Defesa), que classificou a acção como “ataques defensivos e de prevenção”.

Os alvos foram três locais do grupo de milícias xiitas muçulmanas apoiadas pelo Irão no Iraque e dois na Síria, que funcionavam como instalações de armazenamento de armas e locais de comando.

"Em resposta aos repetidos ataques do Kataib Hezbollah às bases iraquianas que hospedam as forças da coligação da Operação Inherent Resolve (OIR), as forças dos Estados Unidos realizaram ataques defensivos de precisão ... que degradarão a capacidade do KH de conduzir futuros ataques", disse o porta-voz do Pentágono Jonathan Hoffman em comunicado.

Os Estados Unidos responsabilizaram o grupo pelo ataque na sexta-feira, 27, que matou um empreiteiro civil do país e feriu quatro membros do serviço americano e dois membros das Forças de Segurança do Iraque, perto da cidade de Kirkuk, rica em petróleo.

A imprensa internacional admite que o ataque provavelmente foi realizado por drones.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG