Links de Acesso

CAN 2021: Prémio monetário aumenta mas ainda muito longe do EURO


A Confederação Africana de Futebol, CAF, anunciou um aumento de um milhão e 850.000 dólares na totalidade dos prémios monetários do CAN 2021 que se inicia domingo nos Camarões.

Mas apesar dos aumentos o prémio para o vencedor, agora avaliado cinco milhões de dólares americanos, continua a ser bastante inferior ao equivalente europeu, o EURO, onde o prémio para o vencedor de 2020 foi de quase 11,5 milhões e meio de dólares.

Na verdade a selecção que vence este tipo de competições leva para casa bastante mais que o prémio atribuído ao vencedor da final porque há prémios para cada etapa da competição.

Estima-se que no CAN deste ano a totalidade dos prémios monetários para o vencedor ascenderá a 11 milhões e 275 mil dólares americanos. O vencedor do EURO do ano passado arrecadou um total de 34 milhões de dólares.

Desconhece- se se há uma percentagem reservada para os jogadores das selecções africanas tal como acontece no EURO.

VAR em todos os jogos

Pela primeira vez na história do CAN todos os jogos irão usar o Video Árbitro, VAR.

Em 2019 o VAR foi apenas usado a partir dos quartos de final.

Oito árbitros assistentes estarão encarregues de monitorizar o VAR.

A salientar que este ano a nível da arbitragem há a presença de quatro mulheres, nomeadamente Salima Mukasanga (Ruanda), Carine Atemzabong (Camarões, Fatiha Jermoumi e Bouchra Karboubi (Marrocos).

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG