Links de Acesso

Angola: estudante critica difícil acesso às escolas secundárias


Estudante Antunes Prata, Angola

Antunes Prata condena também as condições oferecidas aos professores qualificados a ensinarem disciplinas com laboratórios em outras províncias.

Antunes Prata, estudante da 11ª classe do Instituto Nacional de Telecomunicações em Luanda, diz que a situação piorou nos últimos anos. Além do número de vagas ser pequeno, há muita corrupção. “As vagas já têm dono.”

O aluno conta que não teve que pagar “gasosa” para conseguir entrar no Instituto de Telecomunicações. “É um instituto sério e isso não acontece.”

Ele elogia o Instituto de Telecomunicações. “Está bem preparado tecnicamente e profissionalmente. Temos professores capacitados.”

Prata, no entanto, destaca um problema grave que ocorre em Angola: vários estudantes de instituições secundárias sofrem com a falta de professores nas disciplinas com laboratório.

As condições oferecidas para os professores qualificados ensinarem em outras províncias são insatisfatórias e não levam em conta os desafios e as carências de cada município.

Segundo Prata, isso faz com que os professores não aceitem as propostas, e a consequência disso é uma série de laboratórios equipados sem professores qualificados, além de alunos sem experiência prática e, portanto, sem conhecimento.

Confira a entrevista na íntegra.

Entrevista com Antunes Prata
please wait

No media source currently available

0:00 0:05:29 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG