Links de Acesso

Trump exige respeito de Cuba pelos direitos humanos ou não haverá acordo

  • Redacção VOA

Donald Trump, Presidente-eleito dos Estados Unidos

O Presidente eleito dos EUA. Donald Trump, escreveu na sua conta no Twitter nesta segunda-feira, 28, que vai acabar com o acordo entre Washington e Havana se o Governo de Raul Castro não oferecer um acordo melhor, que respeite os direitos humanos.

"Se Cuba não quiser fazer um acordo melhor para o povo cubano, o povo cubano-americano e os Estados Unidos como um todo, vou acabar com o acordo", escreveu o republicano que, no sábado, classificou o líder cubano de um "ditador brutal que oprimiu seu próprio povo por quase seis décadas" e que deixa um "legado de pelotões de fuzilamento, roubo, inimaginável sofrimento, pobreza e negação de direitos humanos básicos".

No texto, ele afirmou que o seu Governo "vai fazer tudo o que for possível para assegurar que o povo cubano possa finalmente começar a sua jornada em direção à prosperidade e à liberdade".

Nas primárias, Trump foi o único pré-candidato republicano que apoiou a abertura a Cuba, mas na Flórida ele prometeu que "revogaria" o acordo do Presidente Barack Obama "a não ser que o regime " restaurasse "as liberdades na ilha".

XS
SM
MD
LG