Links de Acesso

Sociedade civil angolana quer Comissão Eleitoral Independente

  • António Capalandanda

Edifício do governo provincial de Luanda

Comissão deve ser composta por essoas que não estejam afectas aos partidos políticos

Arão Abel coordenador da Rede Eleitoral defende a necessidade de criar uma Comissão Nacional Independente.

Em declarações à Voz da América, Abel disse ser importante ter na CNE pessoas que não estejam afectas aos partidos políticos para a credibilidade do processo eleitoral.

“Esperamos que a própria Comissão Eleitoral seja independente,” disse o activista, acrescentando que “só assim é que teremos um órgão pode dar credibilidade ao processo.”

A Rede Eleitoral é um consórcio de várias organizações da sociedade civil que nas eleições de 2008 trabalharam na sensibilização da população para o processo eleitoral.

A faltar apenas um ano para a realização das eleições a Rede tem demonstrado pouca vitalidade.

Abel afirmou ainda, que este ano as organizações não governamentais debatem-se com serias dificuldades para a realização das suas actividades por falta de financiamento.

“Os financiadores reduziram os apoios financeiros as organizações nacionais e estas organizações começaram a defrontar-se com muitas dificuldades."

XS
SM
MD
LG