Links de Acesso

Investigadores americanos vão interrogar viúvas de Bin Laden


Investigadores americanos vão interrogar viúvas de Bin Laden

Investigadores americanos vão interrogar viúvas de Bin Laden

Os governos dos EUA e Paquistão reaproximam-se depois de crispações levantadas com a morte de Bin Laden

Um membro da administração americana disse que o Paquistão vai permitir que investigadores americanos questionem as três viúvas de Osama Bin Laden que se encontravam na sua companhia quando este foi morto.

As três mulheres do líder da al-Qaida ficaram sob custódia do governo paquistanês após o assalto ao esconderijo de Bin Laden a 2 de Maio por forças especiais americanas.

Responsáveis da Casa Branca e do governo paquistanês ainda não falaram publicamente sobre o possível acordo que deverá permitir que investigadores americanos procedam interrogações as três viúvas do líder terrorista.

Membros da administração americana disseram ontem por outro lado, que a Agencia Central de Inteligência – CIA – não tem intenções de substituir o seu chefe de operações secretas em Islamabad, depois da imprensa paquistanesa ter revelado na semana passada a sua identidade.

Responsáveis americanos disseram entretanto que não era a pessoa certa, e sublinharam que a revelação terá sido forjada intencionalmente para contrariar a insistente questão de como pôde Bin Laden ter vivido vários anos no Paquistão sem o conhecimento das forças armadas e dos serviços secretos paquistaneses.

O governo americano considera que o chefe das operações da CIA desempenhou um papel chave nos esforços que conduziram a localização e assalto ao refúgio de Bin Laden. O anterior chefe das operações da CIA em Islamabad foi forçado a abandonar o cargo em Dezembro passado, logo depois de sua identidade ter sido revelada pela imprensa paquistanesa.

XS
SM
MD
LG