Links de Acesso

Zimbabwe: Milhares saiem às ruas para exigir demissão de Mugabe


Milhares de manifestantes saíram hoje às ruas da capital do Zimbabwe, Harare, exigindo a demissão do Presidente Robert Mugabe e expressando o seu contentamento pela acção dos militares que querem forçar o presidente a demitir-se.

Em mannifestações de regozijo não vistas desde a independência em 1980, os zimbabiwanos transportaram cartazes com as palavras "Mugabe vai-te embora", "já chega" e abraçaram soldados nas ruas.

Registaream-se tambem manifestações noutras cidades do pas

A manifestação contou com apoio dos militares que esta semana colocaram o presidente sob prisão domiciliária e estão a tentar força-lo a demitir-se.

Vários membros do seu governo, ligados à mulher do presidente Grace Mugabe, foram presos pelos militares.

Notícias provenientes de Harare afirmam que Mugabe de 93 anos de idade se recusa a demitir.

Na Sexta-feira Mugabe compareceu a uma cerimónia de formatura de uma universidade mas não fez qualquer declaração sobre a crise que se iniciou quando o Presidente demitiu o vice presidente Emmerson Mnangagwa abrindo assim caminho à nomeação de Grace Mugabe para essa posição e possível sucessão do seu marido.

Os militares acusaram um clique de "criminosos" dentro do partido de querer marginalizar os que lutaram pela libertação do país como Mnangagwa.

O Comité Central do partido no poder a ZANU PF reúne-se Domingo e espera-se que aprove uma moção demitindo o presidente.

Depois disso deverá informar o parlamento que poderá impugnar o presidente.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG