Links de Acesso

UNITA começa a escolher candidatos para as autárquicas na Huíla


A pensar nas autarquias de 2020 a UNITA na na província angolana da Huíla começou já a mexer as peças para atacar o próximo desafio eleitoral.

Para liderar as listas do partido naquela que deverá ser a maior autarquia da província, o município do Lubango, a confiança recaiu para o jurista Manuel Guz que aponta a mobilização das bases como a palavra de ordem.

UNITA esciolhe candidatos para autarquicas na Huíla - 1:40
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:40 0:00

O candidato revela-se consciente das responsabilidades que lhe espera.

“Nós assumimos a responsabilidade de liderarmos a autarquia do Lubango e importa aqui referenciar que trabalharemos muito pela mobilização”, disse Guz.

O secretário provincial da UNITA, Augusto Samuel, aproveitou a ocasião para tecer duras críticas ao actual estado social ao fim de 18 meses do mandato de João Lourenço, que descreveu como de “aumento da pobreza” entre a população

Entretanto, membros de organizações juvenis da sociedade civil e de partidos políticos nos municípios do Lubango e Chibia reflectiram nesta terça-feira, 12, sobre os desafios das autarquias em Angola.

O director executivo da Acção de Solidariedade e Desenvolvimento, (ASD), Renato Raimundo, promotora do evento, defende um papel mais activo da sociedade civil no processo que, segundo sugeriu, deve ter lugar em todos os municípios.

O Governo angolano tem defendido o “gradualismo” para as autárquicas algo que Raimundo disse não ser democrático.

“Para nós como grupo da sociedade civil, tendo em conta o princípio da universalidade, achamos que este processo autárquico pode ser desenvolvido em todo o território nacional”, concluiu.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG