Links de Acesso

Trabalhadores da PGR no Namibe aderem à greve

  • Armando Chicoca

Grevistas querem "levar as suas lágrimas" ao Presidente

Os funcionários da Procuradoria-Geral da República (PGR) no Namibe aderiram à greve nacional dos trabalhadores daquele órgão que tem a duração de 15 dias.

O representante dos trabalhadores, Wilson Julião de Lemos Correia, disse que a adesão à greve ronda os 75 por cento.

Lemos Correia afirmou que os trabalhadores aguardam desde 2002 por uma resposta às suas reivindicações.

“Esta greve visa levar as lágrimas dos funcionários ao conhecimento do titular do poder executivo nas vestes de dirigente das políticas de administração pública em Angola e detentor da caneta dourada a fim de pôr cobro à actual situação degradante porque passam os funcionários da PGR”, disse Correia.

Um aparato policial encontrava-se esta manhã à volta das instalações da PGR provincial do Namibe e os funcionários de mãos cruzadas na varanda, enquanto muitos cidadãos que pretendiam tratar alguns dos seus assuntos regressavam às suas casas lamentando o sucedido.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG