Links de Acesso

Presidente angolano alarga o prazo para o registo eleitoral oficioso em sete dias


Brigada de Registo Eleitoral na província do Huambo, Angola

Organizações não governamentais e personalidades da sociedade civil tinham pedido uma extensão de um mês

O Presidente angolano alargou em sete dias o prazo para o fim do registo eleitoral oficioso, que expirava nesta quinta-feira, 31.

A decisão de João Lourenço, publicada pela Presidência na noite de hoje, surge depois de ter ouvido a Comissão Nacional Eleitoral (CNE).

Iniciado em Setembro de 2021, o recenseamento eleitoral foi alvo de muitas críticas, tanto da oposição como da sociedade civil, particularmente quanto ao deficiente funcionamento dos Balcões de Atendimento ao Público.

Em muitos lugares, o processo começou muito tarde, na diáspora arrancou apenas em Janeiro e somente nas capitais.

No mês passado, os partidos políticos pediram a extensão do prazo, mas, na altura, o Governo disse que tudo apontava para o fecho hoje e sem problemas do processo.

Na terça-feira, 29, nove organizações não governamentais e 15 personalidades da sociedade civil endereçaram uma carta ao Executivo a pedir o alargamento em pelo menos 30 dias.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG