Links de Acesso

Hospitais congestionados e sem material, mas centros de saúde estão vazios

O sistema de saúde no Namibe poderia funcionar mais eficazmente se os pacientes fizessem uso dos centros de saúde nos bairros periféricos das cidades e vilas, disse o director provincial de saúde Franco Mufinda.

Em declarações à VOA, Mufinda disse que os pacientes preferem ir ao banco de urgências dos principais hospitais que ficam assim congestionados.

Devido às dificuldades financeiras isso faz piorar o acesso a medicamentos e outros bens nesses hospitais, algo que não se faz sentir nos centros médicos.

O Director da Saúde disse que o problema de luvas, seringas e outros consumíveis não se coloca nos municípios do interior da província do Namibe, onde a afluência é pouca.

Franco Mufinda explicou também as dificuldades financeiras que o sector atravessa fazendo notar que em muitos casos os orçamentos dão apenas para combustíveis das ambulâncias,limpeza e outros gastos.

Falta dinheiro para a compra de medicamentos.

Por outro lado, a escassez de divisas faz também com que os importadores de medicamentos tenham dificuldade em adquirir os mesmos.

O director de saúde no Namibe apelou ainda aos cidadãos a denunciarem casos de maus-tratos por parte de enfermeiros

“O mau atendimento nos hospitais deve ser denunciado, a pessoa visada deve indicar o nome do técnico de saúde que assim se procede para as medidas que se impõem”, concluiu.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG