Links de Acesso

É oficial, Morna é património imaterial da humanidade


Cesaria Evora em concerto em Madrid em Julho, 2006

A Morna foi oficialmente considerada património imaterial da humanidade pela UNESCO neste 11 de Dezembro, em Bogotá, Colômbia.

A decisão final sobre a ratificação da classificação, que já tinha recebido o aval da comissão de peritos em Novembro, foi adoptada hoje, na 14.ª reunião anual do Comité Intergovernamental para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial da UNESCO, que decorre desde segunda-feira no Centro de Congressos Agora, em Bogotá, Colômbia.

O Ministro da Cultura e das Indústrias Criativas de Cabo Verde, Abraão Vicente, que tinha anunciado antecipadamente em Novembro, já reagiu nas redes sociais, dando os parabéns ao país.

A UNESCO é a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - o Património Imaterial da Humanidade compreende as expressões de vida e tradições que comunidades, grupos e indivíduos em todas as partes do mundo recebem dos seus ancestrais e passam os seus conhecimentos aos seus descendentes.

A Morna junta-se assim a uma lista que inclui o Tango da Argentina, o Fado de Portugal, práticas e conhecimento ligados ao Imzad das comunidades Tuareg da Argélia, Mali e Níger, a Roda de Capoeira do Brasil, o Flamengo de Espanha e muitas outras tradições.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG