Links de Acesso

Malanje autoriza manifestação no Sábado


Organizadores de protesto contra o desemprego reuniram com chefias policiais

As autoridades de Malanje autorizaram esta quinta-feira, 19, a realização no sábado uma manifestação organizada por um grupo de jovens para protestar contra o desemprego no país.

Arismendes Mendonça, um dos organizadores do evento disse que se realizou Quinta-feira uma reunião com o segundo comandante provincial da Polícia Nacional para ordem pública, subcomissário Caetano Kitumbo para discutir a manifestação. Esteve também presente o director adjunto do SIC, superintendente-chefe João Gaspar.

Segundo a acta do encontro os organizadores da manifestação “acataram as orientações transmitidas pela Policia Nacional em cumprimento escrupulosamente com o preceito na Lei, que regula as limitações ao exercício do direito e das limitações em função do tempo”.

Mendonça disse à Voz da América que “a marcha decorrerá de forma pacifica sem quaisquer uso de meio de força”.

Arismendes Mendonça precisou que a marcha parte do largo Rainha Njinga Mbandi, passando por várias artérias da capital e termina no largo 4 de Fevereiro, no centro da cidade.

Mário Quintas activista em Luanda está em Malanje para apoiar a manifestação disse que a realização da manifestação “representa muita coisa” pois até agora muitos temiam saírem ás ruas.

Para Quintas a manifestação significa que as pessoas podem saír à rua “falar o que sentem falar aquilo que lhes vem a alma”.

que saem pela primeira vez para exigir um direito estabelecido por lei.

Mais de 1200 panfletos foram distribuídos aos munícipes da capital para adesão à marcha que vai decorrer com acompanhamento das forças policiais

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG