Links de Acesso

Magnata dos Jogos de Macau Stanley Ho morre aos 98 anos


Stanley Ho (Julho 2008) Foto arquivo


Stanley Ho, o homem que transformou Macau de antiga colónia portuguesa sonolenta em uma meca do mundo do jogo, morreu aos 98 anos.

A sua filha, Pansy, disse que Ho morreu na terça-feira num hospital na sua cidade natal, Hong Kong.

Filho de uma família outrora influente e rica de Hong Kong que perdeu a fortuna na Grande Depressão da década de 1930, Stanley Ho escapou para Macau durante a Segunda Guerra Mundial, quando as forças japonesas capturaram Hong Kong.

A partir dali construiu a sua fortuna contrabandeando artigos de luxo de Macau para a China, transformando em uma empresa comercial de sucesso.

O império de jogos de Ho começou em 1962 quando conseguiu um monopólio para explorar um casino das autoridades portuguesas.

Ele construiu um porto para transportar jogadores de Hong Kong para o seu cassino, e também teve participações em vários negócios no enclave, incluindo departamentos comerciais, hotéis de luxo e pistas de corrida de cavalos.

Quando a China passou a controlar Macau em 2002, Ho havia se tornado notório não apenas por sua riqueza, mas por seu estilo de vida extravagante, seu amor pela dança de salão e os 17 filhos que ele teve com quatro esposas.

Seria forçado a reestruturar os seus negócios em 2012, depois que uma batalha legal eclodiu dentro da família. Ho também foi perseguido por alegações de que ele tinha laços com gangues criminosos chineses conhecidas como tríades, algo que ele sempre negou.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG