Links de Acesso

Daviz Simango poderá continuar na liderança do MDM


Membros do partido disseram que apenas Daviz Simango revelou o interesse de candidatar-se ao cargo.

Daviz Simango pode renovar o seu mandato na presidência do partido Movimento Democrático de Moçambique.

Alguns delegados ao congresso que decorre, até amanha, na cidade de Nampula, manifestaram, em entrevista à VOA, o interesse de ver Simango à frente dos destinos do partido e ser o candidato às presidências de 2019.

Daviz Simango poderá continua na liderança do MDM
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:51 0:00

Membros do partido disseram que apenas Daviz Simango revelou o interesse de candidatar-se ao cargo.

Hoje terceiro dia do Congresso, está prevista, entre vários pontos, a eleição dos membros do conselho nacional e do presidente do partido.

Mulheres e jovens querem espaço

A liga feminina do partido quer que o próximo presidente valorize mais o papel da mulher. A liga pede a integração das mulheres na chefia.

A presidente da liga feminina do MDM, Judite Macuácua, diz que o desafio da mulher do partido é candidatar-se às eleições municipais de 2018 nalguns municípios e para o efeito já há discussões.

Para Judite, isso vai acontecer, por que a mulher tem estado a trabalhar para merecer a confiança.

Os jovens também reclamam. Não querem apenas servir para alavancar o partido, sobretudo nos período eleitorais. Querem os benefícios. Exigem aos líderes do partido a melhoria de condições.

Sadreque sai da corrida eleitoral

Este congresso, com a participação de mais de 100 pessoas, acontece numa altura em que Nampula prepara a realização da eleição intercalar de 24 de Janeiro para encontrar o sucessor do assassinado Mahumado Amurane.

Até a semana passada eram conhecidos seis candidatos, nomeadamente Amisse Cololo, da Frelimo; Paulo Vahanle, da Renamo; Carlos Saide, do MDM; Filomena Mutoropa, do Pahumo; Mário Muquissinse, da Amusi; e Sadreque João Mario, da E-povo.

Entretanto, na quinta feira, Sadreque disse que a coligação Esperança do Povo não vai participar na corrida eleitoral, porque será um desperdício tendo em conta que pretende igualmente concorrer às autárquicas de Outubro.

Sadreque disse que a coligação vai apoiar um dos candidatos que para eles será credível para o município de Nampula.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG