Links de Acesso

Autoridades iranianas e ucranianas investigam acidente que deixou 176 mortos em Teerão


Avião caiu pouco depois de levantar voo na capital iraniana

As autoridades iranianas recuperaram as caixas pretas do avião da Ukraine International Airlines que caiu perto do aeroporto de Teerão, na manhã desta quarta-feira, 8, que transportava passageiros de sete nacionalidades, dos quais 82 nacionais, 63 do Canadrá, 11 da Ucrânia, sendo 9 tripulantes, quatro do Afeganistão, 10 da Suécia, três do Reino Unido e três da Alemanha.

O voo 752 partiu com quase uma hora de atraso do aeroporto Imam Khomeini e tinha como destino o Aeroporto Internacional Boryspil, em Kiev, na Ucrânia.

Avião ucraniano despenha-se após descolagem de Teerão
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:11 0:00

A queda do Boeing 737 ocorreu pouco após a decolagem e desconhecem-se os motivos.

Num primeiro momento, a embaixada da Ucrânia em Teerão divulgou nota afirmando que o avião havia caído devido a uma falha no motor provocada por razões técnicas, descartando qualquer relação com terrorismo ou com os disparos de foguetes.

Mais tarde, uma nova nota afirmou que as causas estavam a ser investigadas.

Por enquanto, a única informação é que o avião incendiou-se após a decolagem e antes da queda do avião.

O acidente aconteceu poucas horas após o Irão ter disparado mísseis contra duas bases aéreas que abrigam tropas americanasno Iraque, em resposta à morte do general Qassem Soleimani.

Não há informações sobre relação entre os dois casos.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG