Links de Acesso

ASF: "Depois da Covid-19 vamos rever as nossas formas de viver", sugere Aniceto Cunha


Aniceto Cunha

O isolamento social é a principal recomendação das autoridades de saúde mundial, a fim de evitar a propagação do coronavírus, causador da covid-19. A medida, no entanto, impôs as pessoas uma mudança radical no estilo de vida.

Angola não foi excepção e, na semana que antecede o Natal, as pessoas preparam-se para alterar as suas tradições e modo de vida, típicas desta quadra festiva.

Onde havia reunião de muitos, os governos aconselham a reduzir esse número para que o risco de propagação não aumente.

Esta semana o convidado do Angola Saúde em Foco foi o sociólogo Aniceto Cunha, para nos falar sobre os impactos emocionais e socio-económicos da Covid-19.

Respondendo a várias questões como de que forma é que as famílias podem ou devem lidar com o confinamento imposto pela Covid-19; quais são os desafios a nível emocional; como vê o efeito das medidas de prevenção da Covid-19 em Angola; o isolamento social está a causar algum impacto a nível psicológico.

Para Aniceto Cunha a Covid-19 mudou em muito o modo de estar dos angolanos, quer no que toca a ajuntamentos, mas também à estrutura familiar - em que um chefe de família tem várias para sustentar -, com essas alterações, diz "vamos rever as nossas formas de viver".

Confira a entrevista completa:

ASF "Temos que nos preparar para 2021, Aniceto Cunha"
please wait

No media source currently available

0:00 0:50:30 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG