Links de Acesso

Acusadores do jornalista Mariano Brás não compareceram em tribunal


Mariano Brás

O julgamento do jornalista Mariano Brás vai continuar no próximo dia 16 de Julho quando for ouvido um representante do Sindicato dos Jornalistas Angolanos sobre o artigo que provocou a acusação contra o mesmo.

Acusadores não comparecem aojulgametno dojornalista Mariano Brás - 1.33
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:33 0:00

Isto depois do advogado de Mariano Brás, Vicente Pongolola, ter pedido que o caso seja abandonado porque aqueles que acusaram o jornalista de publicar uma notícia “"injuriosa, difamatória e caluniosa” não compareceram na audiência.

O empresário Kassem Hamoud e um funcionário seu José Francisco António Eduardo dos Santos disseram na acusação que o artigo em causa publicados em 2012 atentou também contra a imagem e o seu bom nome, mas os dois não compareceram em tribunal.

Pongolola disse queesse tipo de crime é “um crime particular” pelo que “não faz nenhum sentido que o crime prevaleça”.

“O ministério publico não tem legitimidade para crimes particulares”, disse.

A procuradoria escolheu avançar com a acusação de abuso de liberdade de imprensa que levou o advogado a interrogar:

“Se as pessoas lesadas tácitamente desistiram do procedimento qual seria o interesse do ministério publico em avançar com o processo para o crime de abuso de liberdade de imprensa?”

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG