Links de Acesso

"Vocês roubaram os meus sonhos", disse Greta Thunberg aos líderes mundiais


Activista sueca acusou os dirigentes mundiais de apenas usar "palavras vazias"

A jovem activista sueca Greta Thunberg criticou os líderes mundiais na Cimeira Acção para o Clima da Organização das Nações Unidas (ONU) realizada nesta segunda-feira, 23, por não enfrentarem a mudança climática e disse que eles roubaram sua infância com “palavras vazias”.

“Está tudo errado. Eu não deveria estar aqui em cima. Eu deveria estar de volta à escola do outro lado do oceano”, sublinhou a adolescente, de 16 anos, com a voz embargada, e responsabilizou os adultos por não terem feito o suficiente para proteger o meio ambiente.

“Vocês roubaram meus sonhos e minha infância com suas palavras vazias”, acrescentou.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, havia alertado os líderes a aparecerem se viessem munidos com planos concretos de acção, não discursos vazios.

“A natureza está com raiva. E nos enganamos se pensarmos que podemos enganar a natureza, porque a natureza sempre revida, e em todo o mundo a natureza está revidando com fúria”, disse Guterres, ex-primeiro-ministro português.

“Há um custo para tudo. Mas o maior custo é não fazer nada. O maior custo é subsidiar uma indústria de combustíveis fósseis que está morrendo, construindo mais e mais centrais de carvão, e negar o que é claro como o dia: que estamos em um buraco climático profundo e para sair precisamos primeiro parar de cavar”, freforçou Guterres.

No entanto, houve poucas propostas novas dos governos para o tipo de mudança rápida que os cientistas dizem ser necessária agora para evitar impactos devastadores do aquecimento.

O evento acontece dias depois de milhões de jovens irem às ruas de todo o mundo para exigirem uma acção urgente contra as mudanças climáticas.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG