Links de Acesso

Ventos da Califórnia alimentam terceiro maior incêndio do Estado


Bombeiros tentam combater o incêndio Thomas em Montecito, California, Dez. 16, 2017.

Fortes ventos alimentam o terceiro maior incêndio florestal na história do Estado norte-americano da Califórnia e devem intensificar ainda mais o fogo neste domingo, 17 de Dezembro, que já queimou mais de 100 mil hectares.

Quase 8.500 bombeiros combatem o incêndio "Thomas" no sul da Califórnia, que começou a 4 de Dezembro, destruiu mais de mil estruturas e ameaça outras 18 mil, incluindo casas na rica cidade de Montecito, perto da cidade costeira de Santa Barbara.

Santa Barbara
Santa Barbara

Embora os ventos devam diminuir perto de Santa Barbara, a velocidade dos ventos nordeste deve aumentar para 88 quilómetros por hora em partes dos condados de Ventura e Santa Barbara, de acordo com previsões do Serviço Climático Nacional dos Estados Unidos.

O incêndio, que está concentrado a menos de 160 quilómetros a nordeste do centro de Los Angeles, forçou retiradas que transformaram bairros em cidades fantasmas e já queimou o equivalente à cidade de Nova Iorque.

Os bombeiros estão a utilizar mais de 970 máquinas contra o fogo e 34 helicópteros para combater o incêndio.

Cinco dos 20 incêndios mais destrutivos registados na história dos EUA assolaram o Estado em 2017, de acordo com o Cal Fire, o Departamento de Silvicultura e Proteção ao Fogo da Califórnia.

O incêndio Thomas, o sétimo mais destrutivo na história do Estado, forçou muitas escolas a fechar por dias, fechou estradas e obrigou à evacuação centenas de milhares de pessoas. Também foi responsável pela má qualidade do ar em todo o sul da Califórnia.

No sábado, ordens de retirada foram emitidas em partes do Condado de Santa Bárbara, conforme os ventos fortes moviam o fogo através do terreno seco.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG