Links de Acesso

UNITA receia manobra para aumentar abstenção eleitoral


Adalberto Costa Junior, UNITA

O maior partido da oposição angolana receia que haja uma tentativa das autoridades eleitorais para fazer aumentar o número de abstenções o que, segundo diz, iria favorecer o partido no poder.

Em conferência de imprensa, o líder parlamentar da UNITA, Adalberto da Costa Júnior, acusou a CNE de reter cartões de eleitores, o pode elevar o número de pessoas que não vão poder votar a 23 de Agosto.

Júnior apontou o facto de não terem sido publicados cadernos eleitorais nos jornais de circulação diária e referiu-se também ao facto de muitos eleitores estarem a ser remetidos para locais de votação muito longe do local onde vivem.

UNITA denuncia campanha para causar abstenção - 1:26
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:26 0:00

No Sumbe, na província de Kwanza Sul, o líder da UNITA, Isaías Samakuva, fez também notar este problema e disse que a culpa deve ser dada à Comissão Nacional Eleitoral

Isaías Samakuva
Isaías Samakuva

Samakuva alega irregularidades por parte da CNE -1:33
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:33 0:00

“Esta confusão é falta de capacidade ou é deliberada?”, interrogou o líder da UNITA que acrescentou:“Eu não estou a ver outros partidos a reclamarem.”

Isaías Samakuva alegou também que listas de eleitores fixados na assembleias de voto estão a ser rasgadas para confundir os eleitores.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG