Links de Acesso

UNITA não concorda com vinda de médicos cubanos quando há colegas angolanos desempregados


Liberty Chiaka

O maior partido da oposição angolana criticou a contrtação de médicos cubanos afirmando que isso não faz sentido face ao enorme número de médicos angolanos que não conseguem emprego no sistema de saúde estatal.

Numa conferência de imprensa o port voz da UNITA Liberty Chiaka disse que “há mais de dois mil e quinhentos medicos angolanos fora do sistema de saude e o governo vai buscar medicos cubanos alguns que estudaram nas mesmas escolas que seus colegas angolanos.

“A UNITA discorda e exige a resolução urgente do problema", acrescentou.

O porta voz revelou por outro lado que os deputados da UNITA doaram quase 14 milhões de Kwanzas para ajudar as vítimas mais vulnerávei da epidemia da Covid 19.

Chiaka sublinha que os valores vão ser encaminhados directamente às unidades hospitalares, centros médicos e centros de acolhimento .

"Seria incoerência de nossa parte se dessemos esses recursos à comissão interministerial quando sabemos que o governo nem os recursos do estado consegue gerir com transparência”,disse.

Os fundos serão entregues a deputados da UNITA e onde estes não existirem aos secretários provinciais para distribuição nos centros mais necessitados, afirmou

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG