Links de Acesso

Ucrânia: Mediador turco diz que Kyiv e Moscovo estão perto de um acordo e Zelenskyy quer falar com Putin


Presidente russo, Vladimir Putin, (esq) e Presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy

Volodymyr Zelenskyy diz que sem negociações a guerra vai continuar

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Turquia, Mevlut Cavusoglu, indicou que a Rússia e a Ucrânia estão a aproximar-se de um acordo sobre questões “importantes” e que espera um cessar-fogo caso não haja um recuo.

Depois de ter estado na Rússia e na Ucrânia, em entrevista publicada neste domingo, 20, pelo jornal turco Hurriyet, Cavusoglu, acrescenou ter havido “aproximação nas posições de ambos os lados sobre assuntos importantes”.

“Vemos, em particular, que eles quase concordam nos primeiros quatro pontos”, afirmou o ministro turco que disse estar “esprançoso num acordo”.

Entretanto, o Presidente ucraniano renovou neste domingo o seu apelo por negociações com seu homólogo russo, a única forma de "acabar com esta guerra".

"Estou pronto para negociar com ele", disse Volodymyr Zelensky ao programa da cadeia americana CNN "Fareed Zakaria GPS", em referência a Vladimir Putin.

"Acho que sem negociações não podemos acabar com esta guerra", reiterou, o Presidente, para quem “as forças russas vieram para nos exterminar, para nos matar".

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG