Links de Acesso

Tribunais portugueses podem julgar Tchizé, filha do Presidente angolano


Welwitschia (Tchizé) dos Santos

Tribunal de Relação de Lisboa deu razão ao Ministério Público que pode processo filha de José Eduardo dos Santos por branqueamento de capitais

O Tribunal da Relação de Lisboa (TLR) deu razão a um recurso do Ministério Público contra um despacho do juiz de instrução, que declarou a incompetência absoluta dos tribunais para investigar factos praticados por um cidadão de outro país, nomeadamente de Angola, pelo que absolveu Welwitschea José dos Santos, filha de José Eduardo dos Santos, também conhecida como “Tchizé” e outros

O TRL considerou que os tribunais porutgueses são competentes para "perseguir o crime de branqueamento de capitais pelo qual foi denunciada Tchizé.

Em causa, está um inquérito por suspeitas de branqueamento de capitais contra Welwitschea José dos Santos.

A denúncia contra Tchizé partiu de uma queixa do cidadão angolano Adriano Alfredo Teixeira Parreira, ex-embaixador de Angola junto de organizações internacionais, em Genebra, exonerado em consequência de práticas criminosas, do exercício daquela função, que culminaram na respetiva condenação, em 15 de março de 2000, pelo Tribunal Supremo de Angola.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG