Links de Acesso

Soldado americano natural de Cabo Verde encontrado morto no Texas


Elder Fernandes, soldado americano, nascido em Cabo Verde

O soldado americano, nascido em Cabo Verde, Élder Fernandes, dado como desaparecido desde o dia 17, foi encontrado morto aparentemente pendurado numa árvore, a 30 milhas de Fort Hood, a base militar onde ele prestava serviço.

A polícia ordenou uma autópsia para determinar as causas da morte, mas até agora admitiu não haver sinais de crime.

A corporação acrescentou que encontrou o corpo depois de receber uma chamada por volta das 17:36 h de ontem, 25, a indicar que um corpo estava perto de uns trilhos de caminho-de-ferro.

A advogada da família Fernandes, Natalie Khawam, confirmou que a polícia comunicou a “triste” notícia à família ontem à noite, indicando que, junto do corpo, tambem foi encontrado a mochila dele.

“O nosso pior pesadelo aconteceu. Um dos nossos, o sargento Elder Fernandes, foi encontrado morto hoje. Estamos revoltados com esta tragédia que já aconteceu muitas vezes. Estamos com o coração partido pela família do Élder Fernandes”, escreveu Khawam, em comunicado.

Ela garantiu que não vai “parar até descobrir o que aconteceu com Elder" e que deve-se “exigir ao Congresso uma investigação à base de Fort Hood”.

“Devemos proteger os nossos soldados", escreveu Khawam que, noutro comunicado a nível individual, acrescentou: "Estou triste que outro soldado que serviu ao país tenha sido morto por agressão sexual e assédio sexual e esta cultura tóxica nas forças armadas que existe".

Natalie Khawam também representa a família de Vanessa Guillen, militar morta na mesma base e cujos restos mortais foram encontrados em junho.

Fernandes é o terceiro soldado de Fort Hood a desaparecer no último ano.

Em maio, Élder Fernandes denunciou ter sido alvo de assédio sexual, tendo a unidade transferido o sargento, de 23 anos, para outra brigada, em que suspostamente ficaria a salvo de quaisquer represálias, ao mesmo tempo que disse ter aberto uma investigação ao caso.

No início do mês, numa visita à base, o secretário do Exército, Ryan McCarthy, reconheceu que Fort Hood registou números altos de agressão e assédio sexual, bem como assassinatos e, na ocasião, ordenou uma investigação independente.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG