Links de Acesso

Sociedade civil lança plataforma para acompanhar eleições em Moçambique

  • William Mapote

Desenho satírico sobre eleições em Moçambique

Iniciativa visa combater suspeições e garantir transparência

De olho nas próximas eleições, cujo processo de preparação já está em curso, organizações da sociedade civil, religiosas e sócio-profissionais de Moçambique lançaram nesta quarta-feira, 14, em Maputo, uma plataforma de observação eleitoral.

A ideia do grupo é transformar-se num ponto de equilíbrio para acabar com as suspeições que têm caracterizado as eleiçoes no país.

“O objectivo da plataforma é darmos o nosso contributo para que a sensação de irregularidades graves, que tem originado recorrentes conflitos pós–eleitorais diminua e que as eleições sejam um momento de festa da democracia e da paz nacional”, sublinha Amarília Muthemba, porta-voz da plataforma.

A iniciativa junta as confissões religiosas que operam no país e organizações de cariz jurídico e social.

Dom Francisco Chimoio, arcebispo católico de Maputo, diz que a plataforma será o olheiro da sociedade para garantir a transparência do processo eleitorais.

“Esta plataforma vem como uma ajuda para poder monitorar e acompanhar os processos”, alerta Dom Chimoio.

A plataforma vai criar equipas de observação para todo o país e pretende acompanhar o processo eleitoral, desde o recenseamento até à votação.

Uma das novidades que a plataforma pretende introduzir é a contagem paralela dos votos.

No final, a organização irá emitir o seu próprio parecer.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG