Links de Acesso

Secretário provincial em Cabinda detido sob acusação de peculato


Cabinda

O secretário provincial da Indústria, Recursos Naturais e Petróleos de Cabinda, Geraldo Ndubo Paulo, está preso sob a acusação de crime de peculato, realizado entre 2009 e 2014, ao desviar o equivalente, em kwanzas, a 200 milhões de dólares, que se destinavam à construção da Feira Comercial de Cabinda.

A detenção foi confirmada pelo diretor do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação Provincial do Ministério do Interior, Chala Gime, ao Jornal de Angola, acrescentando que Paulo está na Cadeia Civil de Cabinda.

Antes de assumir o cargo da actual, Geraldo Ndubo Paulo foi secretário provincial do Comércio, Hotelaria e Turismo.

Ele é o segundo membro do Executivo de Cabinda detido e acusado do crime de peculato.

Há um ano, o então administrador municipal de Belize, André Ndimba Tati, foi julgado e condenado a oito anos de prisão pelo Tribunal Provincial de Cabinda.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG