Links de Acesso

São Tomé e Príncipe: Parlamento aprova orçamento retificativo

  • Óscar Medeiros

Parlamento de São Tomé e Principe

Os 32 deputados do MLSTP-PSD votaram contra, os cinco do PCD abstiveram-se.

A Assembleia Nacional de São Tomé e Príncipe aprovou, quarta-feira, 26, o orçamento retificativo para 2017 com 32 votos da maioria parlamentar do partido no poder, ADI.

Os 32 deputados do MLSTP-PSD votaram contra, os cinco do PCD abstiveram-se.

O orçamento enquadrou mais de 145 milhões de dólares colocados pela China, no âmbito Acordo Geral da Cooperação nas áreas económica, científica e cultural.

Os dois países retomaram as relações diplomáticas em finais de 2016.

O apoio chinês, do qual se diz que está em conformidade com as recomendações do Fundo Monetário Internacional, destina-se a investimentos na energia, turismo, saúde, pescas, entre outros sectores.

Oposição exige explicação sobre desaparecimento de embarcação

Na sessão, foi discutido o desaparecimento do navio Santo António, que fazia a ligação entre as ilhas de São Tomé e do Príncipe.

A oposição exigiu o esclarecimento do governo sobre a situação da embarcação desaparecida há mais de um mês com oito tripulantes ao bordo.

O ministro da Defesa e Administração Interna, Arlindo Ramos, disse que tem sido feito com meios locais e apoio de países amigos e vizinhos para localizar a embarcação.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG