Links de Acesso

São Tomé e Príncipe: Discriminação contra mulheres continua


Mulheres são-tomenses na pesca

Associações defendem ser preciso banir as tradições culturais que penalizam o sexo feminino

Em São Tomé e Príncipe, as associações de defesa das aspirações das mulheres consideram que as estratégias para a igualdade e equidade do género não têm dado bons resultados.

Elas afirmam que as mulheres ainda são muito discriminadas.

Por outro lado, a representatividade das mulheres nos cargos de decisão deixa muito a desejar, com o actual Parlamento a ter cerca de 12 por cento de mulheres.

A nível do Executivo, entre os 14 membros há apenas duas mulheres.

As associações de defesa das aspirações das mulheres consideram ser preciso banir as tradições culturais que penalizam o sexo feminino e dificultam o progresso e o seu sucesso na sociedade são-tomense.

Ouça a reportagem:

São Tomé e Príncipe: Discriminação contra a mulher continua - 2:15
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:15 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG