Links de Acesso

PR de Cabo Verde quer ajudar a resolver crise guineense

  • Eugénio Teixeira

Jorge Carlos Fonseca

Jorge Carlos Fonseca defende diálogo e permanência da força da paz da CEDEAO

O presidente cabo-verdiano revelou a sua disponibilidade para ajudar à Guiné Bissau a ultrapassar o impasse politico que atravessa.

Apesar de se tratar de um assunto interno e de alguma complexidade, Jorge Carlos Fonseca afirmou a jornalistas que sempre se pode contribuir para encontrar o caminho do diálogo, a fim de se chegar a uma plataforma de entendimento e a consequente resolução dos problemas.

“Nós queremos ajudar encontrar uma solução que permita os guineenses ter tranquilidade, os caminhos da democracia completamente reabertos e normalizados, se pudermos ajudar para que haja entendimento sobre o que significa o respeito pelos acordos de Conacry, que possibilite desbloquear a situação, nomeadamente funcionar a plenária da Assembleia nacional, um Governo legitimado democraticamente, enfim vamos fazer o que nos é possível diretamente, mas também no diálogo que tenho com os homólogos da CEDEAO e também da CPLP, afirma Jorge Carlos Fonseca.

O Presidente cabo-verdiano considera fundamental a continuidade das forças da CEDEAO (ECOMIG) na Guiné-Bissau para ajudar a manter o clima de tranquilidade.

Fonseca prometeu estabelecer contactos com líderes da região para garantir que a força se mantenha no país.

Nas últimas semanas, vários dirigentes guineenses visitaram Cabo Verde, como o presidente do Parlamento Cipriano Cassama e o líder da União para a Mudança, Agnelo Regala.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG