Links de Acesso

Polícia de Cabinda reitera que nenhum agente foi sequestrado pela FLEC

  • José Manuel

Corporação reage a fotos de supostos agentes divulgados nas redes sociais

O Comandante Provincial da Policia Nacional (PN) em Cabinda disse nesta sexta-feira, 19, que os quatros elementos que aparecem nas imagens divulgadas pela Frente de Libertação do Estado de Cabinda (FLEC) nas redes sociais não pertencem ao efectivo da PN em Cabinda.

O Comissário Eusébio de Almeida e Costa garantiu aos jornalistas que em Cabinda não desapareceu nenhum efectivo da PN e que tais actos não passam de uma "propaganda política de elementos frustrados que maquinam propagandas a partir dos Congos com o objectivo de desestabilizar a província".

Almeida e Costa assegurou que a PN vai responder se for necessário contra todos que atentarem contra a ordem e tranquilidade das populações.

Em nota divulgada na terça-feira, 16, os independentistas da FLEC reivindicou a captura de quatro agentes da polícia numa emboscada em que teriam morrido dois soldados angolanos.

A organização pediu a mediação do Comité Internacional da Cruz Vermelha para a libertação dos prisioneiros.

Mais tarde, a FLEC deu a conhecer através das redes sociais a foto de quatro pessoas que diz serem os oficiais da PN presos.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG