Links de Acesso

Oito mortos e vários feridos em tiroteio em Indianapolis


Polícia nas instalações da FedEx, onde aconteceu o tiroteio, em Indianapolis, Indiana. 16 de Abril de 2021

O atirador suicidou-se, mas a polícia não revelou nem a identidade nem o motivo

Um atirador matou oito pessoas e feriu várias outras antes de se suicidar num tiroteio na noite de quinta-feira, 15, numa instalação da FedEx perto do aeroporto de Indianápolis, Estado americano de Indicana, disse a polícia.

Este é o mais recente tiroteio em massa, eentre vários, após uma relativa calma durante a pandemia.

A porta-voz da polícia Genae Cook disse que cinco pessoas foram hospitalizadas após o tiroteio e uma delas teve ferimentos graves.

Outras duas pessoas foram tratadas e libertadas no local.

A FedEx disse que pessoas que trabalhavam para a empresa estavam entre os mortos.

Uma testemunha afirmou à WTHR-TV que estava de serviço dentro do prédio quando ouviu tiros: “Eu vejo um homem sair com uma rifle na mão e ele começa a atirar e a gritar coisas que eu não conseguia entender”, disse Levi Miller.

“O que acabei por fazer foi abaixar-me para ter a certeza de que ele não me via, porque pensei que ele me veria e atiraria contra mim”, acrescentou a fonte.

O atirador não foi identificado.

Cook disse que é muito cedo para dizer se o atirador era um funcionário da instalação: “Ainda estamos a tentar determinar a razão e a causa exactas para este incidente”.

Este é o mais recente de uma série de tiroteios em massa nos EUA.

No mês passado, oito pessoas foram mortas a tiros em spas de massagem na área de Atlanta e 10 morreram num tiroteio num supermercado em Boulder, Colorado.

Em Indianápolis, este é o terceiro tiroteio em massa neste ano.

Cinco pessoas, incluindo uma mulher grávida, foram baleadas e mortas em Janeiro, e um homem foi acusado de matar três adultos e uma criança antes de sequestrar a sua filha durante numa discussão doméstica em Março.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG