Links de Acesso

Nove pessoas morrem em Igreja Histórica afro-americana em Charleston

O chefe policial de Charleston, Greg Mullen, diz que Dylann Roof de raça branca de 21 anos de idade, entrou na igreja Metodista Episcopal Africana Emanuel durante uma cerimónia semanal e começou a disparar.
O alegado atirador continua a monte. Decorre investigação por "crime de ódio"

Mostre mais

“Porquê” lê-se no cartaz empunhado por um dos participantes na vigília que se seguiu ao tiroteio na Igreja Emanuel AME em Surreace Cox, North Charleston, na Carolina do Sul, registado na noite de Quarta-feira, 17.  
1

“Porquê” lê-se no cartaz empunhado por um dos participantes na vigília que se seguiu ao tiroteio na Igreja Emanuel AME em Surreace Cox, North Charleston, na Carolina do Sul, registado na noite de Quarta-feira, 17.
 

Lisa Doctor participa na vigília realizada ahs primeiras horas desta Quinta-feira (18 de Junho 2015)
2

Lisa Doctor participa na vigília realizada ahs primeiras horas desta Quinta-feira (18 de Junho 2015)

Policia à porta da Igreja Emanuel AME após o tiroteio ali registado (17 de Junho 2015)  
3

Policia à porta da Igreja Emanuel AME após o tiroteio ali registado (17 de Junho 2015)
 

Uma motorista olha pela janela do seu carro junto ao cruzamento da Igreja Emanuel AME, em Charleston,  na Carolina do Sul.  
4

Uma motorista olha pela janela do seu carro junto ao cruzamento da Igreja Emanuel AME, em Charleston,  na Carolina do Sul.
 

Carregar Mais

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG