Links de Acesso

Norte-americanos libertados na Coreia do Norte


Kim Dong Chul, Tony Kim e Kim Hak Song.

Libertação acontece depoisde encontro enrre secretário de Estado americano e presidente norte-coreano

O Presidente americano Donald Trump anunciou nesta quarta-feira, 9, pelo Twitter que o secretário de Estado Mike Pompeo já deixou a Coreia do Norte com três professores americanos que estavam detidos há mais de um ano no país.

Trump disse que aparentemente eles encontram-se bem de saúde.

"Estou satisfeito em anunciar que o secretário de Estado Mike Pompeo está no ar de regresso da Coreia do Norte com os três senhores maravilhosos que parecem estar de boa saúde. Também, foi uma boa reunião com Kim Jong-un. Data e lugar definidos", disse Trump pelo Twitter.

A negociação da libertação dos três americanos foi concluída num encontro entre o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, e o presidente da Coreia do Norte, Kim Jong-un, em Pyongyang, com quem também definiu pormenores do encontro que Kim irá manter-se com o Presidente Donald Trump dentro de semanas.

Os cidadãos devem desembarcar na madrugada de amanhã, 10, na base de Andrews da Força Aérea americana e serão recebidos por Trump.

Os três americanos detido pelo regime norte-coreano, Kim Dong Chul, Kim Hak Song e Tony Kim, foram acusados de actividades anti-estatais, mas as suas prisões foram vistas como políticas.

O Governo da Coreia do Sul saudou a libertação dos três americanos e afirmou que terá um "efeito positivo" na cimeira entre Trump e Kim, que deve ocorrer nas próximas semanas.

O porta-voz da presidência, Yoon Young-chan, também pediu que Pyongyang liberte seis prisioneiros sul-coreanos no país.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG