Links de Acesso

Estrangeiros com passaportes falsos detidos em Nampula


Porta-voz da polícia em Nampula, Inácio João Dina

Polícia moçambicana está a usar métodos mais sofisticados para detectar falsificações de documentos.

Em Moçambique, a polícia de Nampula deteve um grupo de sete estrangeiros que tinham entrado no país na posse de passaportes falsos.

Trata-se de cidadãos Bengalis cuja detenção ocorreu no Aeroporto Internacional de Nampula, quando acabavam de desembarcar vindos de Nairobi, na posse de documentos falsificados.

please wait

No media source currently available

0:00 0:03:09 0:00
Faça o Download

Nos últimos dias, as autoridades migratórias moçambicanas, segundo fez saber o porta-voz da polícia, Inácio João Dina, usam o sistema de infravermelhos para detectar a legalidade dos vistos. “Dai que, depois do desembarque aqueles sete cidadãos de nacionalidade estrangeira tiveram que passar pelo sistema, tendo os seus documentos apresentado características diferentes e pouco credíveis”, disse Dina.

O porta-voz da polícia de Nampula diz que as autoridades migratórias suspeitam que os sete indivíduos falsificaram os seus passaportes. Neste momento o grupo encontra-se sob custódia policial, junto às celas do comando provincial da corporação.

A Voz da América teve acesso ao local. Subgi Sarker, responsável do grupo, disse que entrou em Moçambique com o objectivo de fazer o turismo e conhecer melhor o país de que sempre ouviu falar. “Não percebemos qual é o problema da nossa detenção. Nós somos turistas, viemos para visitar alguns locais de Moçambique” disse Subgi .

Neste momento, as autoridades migratórias em coordenação com a representação diplomática de Bangladesh em Maputo tratam dos últimos acertos para o repatriamento, esta quinta-feira, do grupo.
XS
SM
MD
LG