Links de Acesso

Antiga primeira dama do Brasil Marisa Letícia tem morte cerebral

  • Patrick Vaz

Marisa Letícia e antigo Presidente Lula em acto público

A antiga primeira dama do Brasil, esposa do antigo Presidente Lula da Silva, Marisa Letícia, 66 anos, teve morte cerebral declarada nesta quinta-feira em São Paulo.

Ela está internada desde o dia 24 de Janeiro no Hospital Sírio Libanês depois de sofrer um AVC (Acidente Vascular Cerebral) hemorrágico, que é quando ocorre o rompimento de um vaso cerebral com sangramento.

No início da manhã, o Hospital Sírio-Libanês divulgou um boletim médico a informar que a antiga primeira-dama, Marisa Letícia, 66 anos, tinha ficado sem fluxo cerebral.

A família autorizou a doação de órgãos, segundo um post publicado na página do Facebook do antigo Presidente Lula da Silva

"A família Lula da Silva agradece todas as manifestações de carinho e solidariedade recebidas nesses últimos 10 dias pela recuperação da ex-primeira-dama Dona Marisa Letícia Lula da Silva. A família autorizou os procedimentos preparativos para a doação dos órgãos", diz o post.

Presença constante nas campanhas políticas disputadas por Lula, a 1 de Janeiro de 2003, Marisa Letícia tornou-se a primeira dama do Brasil.

Nos oito anos do mandato do marido, não participou activamente de nenhum projecto social e foi sempre criticada por isso.

Dona Marisa era ré numa acção penal, com o ex-presidente Lula, na Operação Lava Jato, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em contratos entre a Petrobras e a Odebrecht.

A defesa de Dona Marisa e Lula diz que a denúncia é um delírio.

XS
SM
MD
LG