Links de Acesso

Moçambique apresenta vacina certificada contra a malária


Foto de arquivo

Iniciativa liderada pela Fundação Manhiça.

Uma vacina certificada de prevenção e combate à malária será apresentada, nos próximos três anos, no país, pela Fundação Manhiça, de Moçambique.

A pesquisa em saúde é uma das principais actividades do Centro de Investigação em Saúde de Manhiça, que desenvolveu uma vacina certificada para a prevenção e combate à malária, uma das principais causas de mortes em Moçambique.

Moçambique apresenta vacina certificada contra a malária
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:57 0:00

Depois de testada com sucesso nas comunidades do distrito da Manhiça, vai decorrer a segunda fase de administração piloto da vacina em três países africanos, nomeadamente Malawi, Gana e Quénia.

Reconhecimento da OMS

Depois de merecer o reconhecimento por parte da Organização Mundial da Saúde, a fase piloto de administração da vacina da Malária decorreu com sucesso na região da Manhiça, província de Maputo.

Os testes até aqui efectuados suscitaram a pesquisa de medicamentos para outras doenças, como a tuberculose, como atesta Leonardo Simão, da Fundação Manhiça.

"Também foram feitos estudos sobre a resistência à medicamentos, sobretudo a resistência à revamplicina, que ajudou também a alterar a estratégia de luta contra a tuberculose", diz Leonardo Simão, antigo chefe da diplomacia moçambicana.

Tuberculose

A pesquisa para descoberta de novos fármacos para a tuberculose é outra das prioridades, diz Ivan Manhiça, do Programa de Combate à Tuberculose.

"Há necessidade de investir mais na pesquisa para trazer novas vacinas, mas também para novos medicamentos", disse Ivan Manhiça.

O Centro da Manhiça, primeira unidade de e investigação biomédica em Moçambique, situado numa zona rural, está a investigar a vacina chamada "Airas 402", que deverá ser ministrada a crianças menores de seis meses.

A cada seis meses, as autoridades moçambicanas dizem que são gastos cerca de dois mil dólares no tratamento de cada paciente com tuberculose.

Anualmente são detectados cerca de 87 mil casos novos de tuberculos. Vinte e dois mil morrem, por ano, por causa desta doença.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG