Links de Acesso

Mnangagwa em Moçambique é sinal de "novo ciclo de cooperação"

  • William Mapote

Presidente moçambicano Filipe Nyusi saudando o Presidente zimbabueano Mnangagwa na sua tomada de posse

O Presidente do Zimbabué, Emmerson Mnangagwa, chega nesta quarta-feira, 17 de Janeiro, a Maputo, para uma visita de trabalho de um dia em Moçambique. A visita é resposta a um convite de Filipe Nyusi, o presidente moçambicano, que foi endereçado durante a tomada de posse do sucessor de Robert Mugabe, em Harare.

Em termos oficiais, sabe-se apenas que Mnangagwa e Filipe Nyusi, vão reunir-se a meio da manhã desta quarta-feira, vão manter conversações oficiais, que visam reforçar as relações de amizade, solidariedade e cooperação entre os países que dirigem, que para além da vizinhança, têm laços históricos de cooperação político e militar.

Uma nota da Presidência da República diz ainda que os dois dirigentes vão passar em revista assuntos nas áreas comercial, regional e internacional. Na arena comercial, o Zimbabué é um dos principais compradores da energia eléctrica gerada pela hidroeléctrica moçambicana de Cahora Bassa e dos maiores exploradores do Porto da Beira, contudo, por causa de elevadas dívidas acumuladas, as relações já estão longe do histórico da década de 1990.

Mnangagwa faz-se acompanhar pelo seu chefe da diplomacia, Subusiso Moyo e no seio de alguns comentadores nacionais, não há dúvidas de que com esta visita, Moçambique e Zimbabué vão abrir um novo ciclo de cooperação, situação que durante a última década esteve longe dos melhores momentos.

Emmerson Mnangagwa, os apelos e promessas do novo homem-forte do Zimbabué
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:36 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG