Links de Acesso

Ministro promete reactivar empresas do ramo petrolífero em Kwanza Sul


A inoperância de várias empresas ligadas aos ramos petrolífero e mineiro na província do Kwanza Sul esteve na base da visita àquela província angolana do ministro dos Recursos Minerais e Petróleos.

Diamantino Azevedo prometeu tudo fazer para que as instituições que se encontram inoperantes na província, como o Centro de Formação Marítima de Angola, vocacionado para a formação de marinheiros e que há dois anos se encontra paralisada por questões financeiras, voltem a funcionar.

Na visita de 24 horas ao Kwanza Sul, o ministro Diamantino Azevedo manteve encontros com a classe empresarial ligada ao ramo dos minérios.

O governante foi a Porto-Amboim e visitou a PAENAL e outras empresas ligadas ao ramo petrolífero, tendo mostrado sua insatisfação pela inoperância que se regista nas empresas do sector, à excepção da Sonangol.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG