Links de Acesso

Mediterrâneo: 180 imigrantes africanos desaparecidos


Foto de arquivo

Quatro mortos e 180 desaparecidos é o novo balanço do naufrágio de sábado na costa da líbia, conforme dados do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR) e a Organização Internacional para as Migrações (OIM)

Os dados foram determinados com base no testemunho de quatro sobreviventes, que chegaram, segunda-feira, ao porto de Trapani, no oeste da Sicília.

Segundo a AFP, os quatro sobreviventes, três homens e uma mulher, "abalados e esgotados", explicaram que partiram na sexta-feira da Líbia com mais de 180 pessoas, todas do corno de África, a bordo de uma embarcação de madeira de dois andares.

Os sobreviventes contaram que a embarcação quebrou depois de cinco horas de navegação.

Eles foram resgatados a 30 milhas da costa líbia por um navio francês, que participa da operação Triton da agência europeia de controlo de fronteiras, Frontex.

XS
SM
MD
LG