Links de Acesso

Lídes políticos dão trégua ao PR para nomear um novo primeiro-ministro

  • Lassana Casamá

Manifestação contra o Presidente, Guiné-Bissau

Marcha da oposição decorre sem violência em Bissau

Os partidos da oposição na Guiné-Bissau declararam uma trégua ao Presidente José Mário Vaz para cumprir o acordo de Conacri.

Sem precisar dias ou semanas, Domingos Simões Pereira, antigo primeiro-ministro e presidente do PAIGC, e Nuno Gomes Na Bian, ex-candidato presidencial e líder da APU – PDGB, instaram o Presidente a demitir o actual Governo e a nomear um novo primeiro-ministro, caso contrário vão voltar as ruas em marchas de protesto.

A advertência foi feita durante o segundo dia de marchas em Bissau que, nesta sexta-feira, 17, decorreu sem incidentes.

A força estacionária da CEDEAO na Guiné-Bissau (ECOMIB) colocou alguns dos seus homens na manifestação.

Uma presença que terá resultado da longa reunião ontem a noite entre as partes e que permitiu aos manifestantes soltarem, uma vez mais, vozes de repúdio contra o Presidente guineense, José Mário Vaz.

O percurso dos manifestantes culminou a alguns metros do palácio presidencial, onde foi possível ouvir vozes dos lideres políticos, que não pouparam o actual regime.

Os partidos políticos da oposição prometem dar, entretanto, alguns dias ao Presidente da República para decidir sobre a demissão do actual Governo, como uma das suas exigências ao abrigo do Acordo de Conacri.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG