Links de Acesso

Mali: Oposição rejeita concessões do presidente e diz que oito pessoas foram mortas a tiro.


No Mali a oposição rejeitou concessões anunciadas pelo presidente Ibrahim Boubacaar Keita para se resolver a crescente crise política que resultou já em mortes durante manifestações anti-governametnais.

Keita anunciou no Sábado que vai dissolver o Tribunal Constitucional e tomar medidas para aplicar as recomendações da CEDAO entre as quais a repetição das eleições legislativas em alguns círculos eleitorais.

Um porta voz do M5-RFP uma coligação de dirigentes políticos, religiosos e da sociedade civil que iniciou os protestos há cerca de um mês, rejeitou as propostas do presidente exigindo a sua demissão imediata.

Na sexta-feira quatro pessoas foram mortas na capital Bamako quando manifestantes ocuparam o parlamento e a estação de rádio governamental.

A oposição disse que oito outras pessoas foram mortas a tiro no Sábado algo que não foi confirmado pelas autoridades.

O presidente Keita disse que permanece aberto ao diálogo mas condenou actos de vandalismo

A situação no Mali está a causar grande preocupação aos países viinhos e potências externas como a França que estão envolvidos numa campanha militar contra grupos rebeldes islâmicos na região do Sahel.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG