Links de Acesso

Libertado sul-africano raptado pelo Al-Qaeda


Malcolm McGowan, pai de Stephen McGowan, e a ministra Nkoana-Mashabane , Pretória.

Governo diz que não pagou resgate.

Um sul-africano raptado pela Al-Qaeda, no Mali, em 2011, foi libertado, anunciaram, hoje, 03, as autoridades de Pretória.

A ministra sul-africana dos Negócios Estrangeiros, Maite Nkoana-Mashabane, disse à imprensa que "o nosso compatriota Stephen McGown foi libertado no dia 29 de julho de 2017. Estamos muito felizes com a sua libertação".

A ministra explicou que McGown, que foi submetido a um exames médicos de rotina, não foi solto mediante pagamento de qualquer resgate.

Stephen McGown, 42 anos, foi raptado em Timbuktu, no norte do Mali, no dia 25 de novembro de 2011.

O rapto foi reivindicado pelo grupo jihadista Al-Qaeda no Magreb Islâmico.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG