Links de Acesso

Legisladores americanos têm que votar em plano orçamental para evitar "shutdown"


The Peace Monument, also known as the Naval Monument or Civil War Sailors Monument, is seen on the grounds of the Capitol in Washington, as day three of the government shutdown continues.

Se os legisladores não aprovarem o plano, o governo americano vai sofrer outro encerramento parcial.

Os legisladores americanos devem votar, nesta quinta-feira, um plano orçamental para manter financiamento do governo por dois anos e evitar outro encerramento.

O Senado vai votar primeiro, depois dos seus líderes terem chegado a um acordo bipartidário, na quarta-feira, que não incluiu os tópicos contenciosos sobre a imigração (de fora ficou a discussão sobre DACA).

O líder da maioria do Senado, o republicano Mitch McConnell, disse que se chegou a um acordo importante no que toca à despesa da Defesa e outras prioridades.

Chuck Schumer, líder da minoria democrata, disse por seu lado que o acordo é muito bom para o povo americano, considerando ter sido um avanço genuíno.

Neste plano orçamental a dois anos prevêem-se 300 mil milhões de dólares para a Defesa e para programas domésticos.

McConnell diz que este valor vai servir para ajudar veteranos, vai garantir fundos para desastres naturais, infraestruturas e combate ao abuso de opiáceos.

Com o actual orçamento pronto a expirar à meia noite desta quinta-feira, se os legisladores não aprovarem o plano, o governo americano vai sofrer outro encerramento parcial.

O acordo dá ao Congresso seis semanas para alocar fundos que estão alinhados com os níveis da despesa previstos no acordo. Para que se torne lei, terá que ser aprovado por ambas as Câmaras do Congresso e assinado pelo Presidente Donald Trump.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG