Links de Acesso

João Lourenço manifesta a José Eduardo dos Santos pesar pela morte do genro


Foto de arquivo de Sindika Dokolo, colecionador de arte e empresário congolês

Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos, morreu por afogamento no Dubai

O Presidente angolano manifestou o seu pesar pela morte de Sindika Dokolo num post no Twitter em que se dirige ao antigo Chefe de Estado José Eduardo dos Santos.

"Manifesto os mais profundos sentimentos de pesar ao Presidente JES, pela morte trágica de seu genro Sindika Dokolo, cuja notícia surpreendeu a sociedade angolana", escreveu Lourenço, em reacção à notícia da morte ontem do esposo de Isabel dos Santos, filha de José Eduardo dos Santos.

Como a VOA noticiou na quinta-feira, 29, uma fonte familiar revelou que Sindika Dokolo morreu por afogamento do Dubai.

Christian Lusakweno, dono da rádio Top Congo FM em Kinshasa, disse à VOA que Sindika Dokolo morreu enquanto fazia mergulho.

Nesta sexta-feira, 30, em nota enviada às redações, a família agradeceu as mensagens de condolências.

"É com profundo pesar e consternação que a família Dokolo, esposa, filhos, mãe, irmão e irmãs, neste momento de enorme tristeza e dor, lamenta informar o falecimento de Sindika Dokolo, na quinta-feira, 29 de outubro 2020, no Dubai. A família agradece a todos os que expressaram sentimentos de pesar, solidariedade e bondade e que partilham a nossa dor".

A Presidência da República Democrática do Congo também manifestou o seu pesar. A mensagem no Twitter e em nome do Presidente Félix Tshisekedi diz o seguinte: "A RDC foi informada da morte repentina do Sr. Sindika Dokolo, Sua Excelência o Presidente da República, Félix-Antoine Tshisekedi Tshilombo, expressa a sua profunda tristeza e toda a sua compaixão à esposa do ilustre desaparecido, aos órfãos e a toda a família."

Sindika Dokolo nasceu no Congo Democrático em 1972, filho de um banqueiro congolês, Augustin Dokolo Sanu, e de mãe dinamarquesa, Hanne Taabbel, e estudou em Paris.

Casou-se com Isabel dos Santos, filha mais velha José Eduardo dos Santos.

Amante das artes, criou em Angola a Fundação Sindika Dokolo, com o objectivo de promover a arte e a cultura em Angola.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG