Links de Acesso

Hong Kong : Noventa pessoas presas durante protestos contra o adiamento de eleições. 


Polícia na baixa de Hong Kong, 6 de setembro, 2020

Em Hong-Kong, pelo menos, 90 pessoas foram presas, neste domingo, 6, durante protestos contra o adiamento das eleições legislativas.

Essas eleições, que deveriam ter lugar hoje, são uma das poucas vezes em que os residentes de Hong Kong votam.

A líder de Hong Kong, escolhida a dedo pela China, Carrie Lam, anunciou no final de julho que as eleições na cidade seriam adiada por um ano, devido à pandemia do coronavírus.

A mudança foi amplamente vista como um golpe para o grupo pró-democracia, que se esperava que tivesse um bom desempenho nas eleições.

A polícia de choque atirou bolas de pimenta contra os manifestantes, escreve a Reuters.

A polícia de Hong Kong disse no Facebook que 90 pessoas foram presas, principalmente por se reunirem ilegalmente.

Embora menores e menos frequentes do que em 2019, os protestos pela democracia e independência em Hong Kong continuaram, neste 2020, apesar das preocupações sobre a pandemia do coronavírus.

Em junho, a China aprovou uma nova lei de segurança, que reduziu ainda mais os direitos na cidade semi-autônoma.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG